Da cidade mais romântica do mundo para o altar: conheça a história de Isabela e Bruno

146A4192

Da cidade mais romântica do mundo para o altar: conheça a história de Isabela e Bruno

“Nós sempre teremos Paris”. A famosa frase dita por Rick Blaine para Ilsa, na cena final de Casablanca, combina muito com a história de Isabela e Bruno. Os dois mineiros trabalharam na mesma empresa em Belo Horizonte, mas nunca pensaram que um dia acabariam juntos no altar.

Quer saber como termina essa história e o que ela tem a ver com a cidade mais romântica do mundo? Então, continue a leitura!

O amor está em Paris

Não é por acaso que Paris tem uma ponte para os apaixonados pendurarem cadeados para simbolizar a união eterna: parece que o amor está mesmo espalhado pelo ar da cidade.

Mas o casal Isabela e Bruno não precisou usar cadeados, apenas um empurrãozinho do destino. Os dois foram transferidos para trabalharem na capital francesa e, depois de algum tempinho no país, eles começaram a namorar. Como pode um casal que morava na mesma cidade só dar certo do outro lado do mundo?

146A4108

Só mesmo a energia da cidade luz e mais romântica do mundo para unir esses dois. O amor cresceu e a vontade de oficializar o relacionamento também. Mas era importante para o casal celebrar o grande dia ao lado dos familiares.

Porém, havia um detalhe: tudo precisava ser feito a distância, pois os noivos só iriam duas vezes ao Brasil: no Natal de 2017 e no dia 28 de julho de 2018, data do casamento. Por isso, contar com parceiros de confiança foi fundamental para que essa história de amor tivesse um final feliz. Todas as reuniões com o cerimonial foram via Skype e os fornecedores foram todos locais, o que facilitou o trabalho entre as equipes.

O dia do “sim”

Isabela e Bruno decidiram trocar as alianças com um mini wedding na Casa Ateliê, em Belo Horizonte, já que as famílias dos dois são da cidade. Autenticidade foi a palavra que norteou todo o casamento, desde a decoração até os momentos de interação com os convidados.

No espaço da cerimônia havia uma mini torre Eiffel para simbolizar a cidade que o casal se conheceu. Para os convidados se divertirem ainda mais, os noivos trouxeram máscaras para eles usarem e uma câmera polaroid. Assim, as fotos ficaram muito mais espontâneas e eram entregues na hora! Contudo, vale lembrar que existia um fotógrafo oficial para registrar todos os momentos ( @luananias ) .

146A4409-2 ICrHUfoQ

Em uma sala da casa havia um fliperama e mesa de totó para todos lembrarem da infância e se divertirem durante a festa. Um ponto que fez muito sucesso foram os bolos da Renata Zanetti. Os noivos optaram por não servir doces e escolheram seis bolos de sabores diferentes para servir e a mesa de bolos ficou maravilhosa. A ideia inovadora agradou a todos (os 6 bolos acabaram!!). E no bolo “principal” foi colocado dois bonequinhos de madeira idênticos aos noivos feitos pela Major Tom.

AWxjY-QA  _EnVqf_A

nMZF0baA ET_0383g 0he5TqNA

Para deixar o grande dia ainda mais especial e levar para Paris uma parte dos amigos e familiares, Isabela e Bruno pediram de presente de casamento livros. Como o casal está montando uma biblioteca na sua casa, cada convidado deveria levar um livro ao invés do presente (indicado no convitinho individual) com dedicatória e entregar ao cerimonial. Quem não escreveu dedicatória, podia deixar uma mensagem na hora para os noivos em um cartão-postal personalizado com a identidade visual do casamento que foi toda desenvolvida pela @bodadesign.

Todos os livros foram desembrulhados e colocados em uma grande estante na entrada da festa, deixando a decoração (@nossoramalhete) ainda mais interessante.

146A4389 TyG1hTow

Com tantos detalhes, não faltou alegria e emoção para o casal! E de uma coisa temos certeza: Isabela e Bruno agora estão vendo “la vie en rose”!

Quer ver como foi encantador este mini wedding? Entre no nosso Instagram e veja o destaque do stories!

Teresa Lamas

Somos especialistas no planejamento e na organização de eventos pessoais e empresariais.